formato1agp

Porto do Caniçal

  • Caracterização
  • Caracterização

    Os Projectos e a Construção do Porto do Caniçal, com todas as suas infra-estruturas (Terminal Marítimo, Molhe Exterior, Cais Acostável, Acesso ao Porto, Lota e Entreposto Frigorífico, Cais de Contentores e diversos Edifícios relacionados com a Actividade portuária, entre outros) iniciou-se em 1990 e terminou em 2005. O Cais Acostável do Porto do Caniçal tem um desenvolvimento de 1062 metros e uma profundidade de águas de 15 metros.  

    O Estaleiro Naval e o Porto de Pesca do Caniçal possuem: um Terrapleno, com uma área total de 31 000 m2; um elevador de navios, com capacidade para elevar navios até 90 metros de comprimento; cinco postos de carenagem; varadouro para embarcações de pequeno porte; cais acostável com 70 metros de comprimento e fundos à cota -5,00 ZH; e um molhe acostável, de ambos os lados, com 185 metros de comprimento e fundos à cota -8,00 ZH. 

  • Intervenção
  • Intervenção

    A intervenção da TPF Planege no Porto do Caniçal incidiu sob variadíssimas formas, a saber: concepção, estudo de impacte ambiental, assistência técnica, revisão da concepção, gestão e coordenação de projectos e obras e fiscalização.

  • Dados Gerais
  • Valor da Obra
    150 Milhões €
  • Data
    de 1990a 2005
  • Local
    Madeira
  • País
    Portugal
  • Cliente
    APRAM - Administração dos Portos da Região Autónoma da Madeira
  • Empresas
    TPF Consultores
  • Imagens
  • Imagem 1
    cani__al1-planege
  • Imagem 2
    cani__al2-planege